sexta-feira, outubro 10

LivroXFilme : O Doador de Memórias -




Oi gente,


 como o ganhador foi O Doador de Memórias, Lola e o Garoto da casa ao lado ficou para a semana que vem, espero que vocês gostem, beijos.


O Doador

Sinopse - O Doador - Quarteto O Doador - Livro 01 - Lois Lowry

Lois Lowry contrói um mundo aparentemente ideal onde não existe dor, desigualdade, guerra nem qualquer tipo de conflito. Por outro lado, também não existe amor, desejo ou alegria genuína.

Os habitantes da pequena comunidade, satisfeitos com suas vidas ordenadas, pacatas e estáveis, conhecem apenas o agora - o passado e todas as lembranças do antigo mundo foram apagados de suas mentes.

Uma única pessoa é encarregada de ser o guardião dessas memórias, com o objetivo de proteger o povo do sofrimento e, ao mesmo tempo, ter a sabedoria necessária para orientar os dirigentes da sociedade em momentos difíceis.

Aos 12 anos, idade em que toda criança é designada à profissão que irá seguir, Jonas recebe a honra de se tornar o próximo guardião. Ele é avisado de que precisará passar por um treinamento difícil, que exigirá coragem, disciplina e muita força, mas não faz ideia de que seu mundo nunca mais será o mesmo.

Orientado pelo velho Doador, Jonas descobre pouco a pouco o universo extraordinário que lhe fora roubado. Como uma névoa que vai se dissipando, a terrível realidade por trás daquela utopia começa a se revelar.




A sinopse é bem descritiva, é exatamente isso que se resume um filme, uma sociedade utópica que assim como outra qualquer (Divergente, Jogos Vorazes) começa a apresentar os seus defeitos.



No livro:



Jonas é um garoto que faz 12 anos e recebe essa honra. Uma sociedade onde os casamentos são escolhidos e programados, onde não existe nenhum tipo de sentimento. E quando esses sentimento começam a surgir eles são inibidos pelos remédios que devem ser tomados todos os dias por todos nessa sociedade. Onde falar seus sonhos e sentimentos é algo obrigatório, e o mais importante : Não é permitido mentir.

Mas Jonas como receptor pode fazer isso.
A cerimônia de designação me lembrou bastante Divergente, com a diferença que aqui não há escolha.

Os fatos são narrados de maneira rápida, até porque o primeiro livro é bem pequeno menos de 200 páginas.
Em geral é um bom livro, eu adorei lê-lo porque é simples e instigante.

Nota: 4,5 para o livro.


No filme: 



Achei muito importante ele manter o filme em preto e branco, afinal muitos só compreendem isso no meio do filme.
Mas se tem algo que eu ODIEI é a idade deles. Como eles fazem isso poxaaaaaa, de 12 anos eles vão pra 16 no mínimo. Nem a lily tem a idade certa.
O doador é muito mais grosseiro no filme no primeiro encontro deles do que no no livro. E eles não ficam saindo.
Pelo menos as falas foram fieis mesmo.



(ATENÇÃO CONTEM SPOILER)


No começo, eles cuidam de velhos e não de bebês. Eles não seguem nem os números de cada pessoa e ainda designam as profissões erradas, como a do Asher que no livro é chefe da recreação e no filme ele é piloto *tipo mt nada haver*
no filme eles não precisam contar os sonhos, o que deixa o papo de amor menos instigante, parece ate que somente o doador sonha... E o Ver Além também não é mt bem explicado no começo.
E eles também não falam no livro sobre esse sinal no braço, coisa que fica bem clara no filme.
Gente e aquela cena de ele e a fiona deslizando no meio da cidade ISSO NÃO EXISTE NO LIVRO, ele não fica tentando passar tanto conhecimento para ela, ela nem é tão importante assim no livro.
A anciã chefe não aparece tanto, ele não é tão intrometida.
Não deixa claro que alivia a dor do doador e nem que as memórias passadas são esquecidas.
Eles inventam quase tudo no final, o Asher não se intromete assim não leva um soco, a Fiona não é convidada pra ir com ele, ele não rouba um moto e ele já sai na cena final, que é a cena da neve. Mas no filme inventaram uns 30 minutos de cenas finais, não existe a cerimonia de perda, a Fiona não é presa.. o final foi todo inventado.


(FIM DOS SPOILERES)


Nota: 3 para o filme e 2,5 como adaptação.



Até a semana que vem, beijoos :*



Abs,



2 comentários:

Cintia Barbosa disse...

Nossa, ainda bem que ainda não assisti o filme. Primeiro vou ler o livro, odeio quando eles mudam fatos importantes. .. amei a resenha Ju ♥

Júnia Benvindo disse...

Obrigada Cinty, leia linda o livro, vc vai adorar.
Bjs.