Resenha - Confissões de Uma Garota Excluída, Mal-Amada e (Um Pouco) Dramática - Thalita Rebouças

Resenha - Confissões de Uma Garota Excluída, Mal-Amada e (Um Pouco) Dramática - Thalita Rebouças

Oi geente,


saidaminhalente.com
essa foi minha leitura de ontem, como o fim das férias estão chegando preferi optar pelas leituras mais suaves e Thalita Rebouças apesar de não ser minha favorita escreve que é uma fofura.

Bom, nesse livro conhecemos Tearina, ou para os íntimos Tetê, a garota tem 15 anos, não se depila, não tem amigos, mora com os pais e os avós, só ouve musica emo e por ai vai, como solução sua mãe a leva num psiquiatra para fazer terapia (nãaao,ele não é medico de louco) e lá Tetê começa a se abrir e vamos conhecendo um pouco mais como o que eu a apresente ai em cima.


Ao mudar de bairro (por seu pai perder o emprego), eles vão morar com os avós e ela teve também que mudar de colégio, todos sabemos como já é difícil ser adolescente então imagina só ser a novata. Na nova escola por sorte encontra outro garoto isolado, Davi (coisinha fofa que fala que nem seu avó), e ele vira seu canal de entrada na escola, poucos minutos quem vem falar com Davi é simplesmente o garoto mais lindo, Erik (ok até eu tenha que assumir que adoro esse nome Tetê), mas mesmo sendo a pessoa mais linda, fofa , magnifica do mundo ele tem um defeitinho, sua namorada, Valentina (aquela chata que tem em todo lugar que se acha a bala que matou o John Lennon. Logo depois conhece Zeca (melhor pessoa ^^) seu companheiro de sala e de salão kk. O outro personagem suuuuuuper importante só aparece depois então nem vou falar pra não dá spoiler!

Nessa escola muito acontece: festas, dramas, ficas, BV’s, traição, amizades de verdade e por ai vai. Então prefiro nem contar as aventuras da nossa mocinha porque é bom mesmo é descobrir.

Ps. Tetê é muito faladeira, a criatura não sabe segurar a matraca então as vezes pela pode parecer ter 13 anos e não 15, mas ela vai amadurecendo no decorrer da história então aguentem que dá tudo certo.

A leitura, como disse, é algo bem leve mas não deixa de tratar de temas importantes como o bullyling, ciberbullying, a morte, amizades verdadeiras (ou não). É uma ótima leitura e como é suave a sua escrita a gente não quer largar, e por ser pequeno é sempre naquela de só mais um capítulo. Tão bom que li em uma noite em pdf.

Eu gostei bastante e o livro conseguiu até me surpreender, e tem aquelas coisas que a gente adora, intriga e triangulo amoroso que é receitinha básica para o sucesso. Falando nisso, o livro é cheio de receitas já que Tetê adora cozinha.

Enfim, eu indico para você que curte, mas lembre-se que ele é um livro infanto-juvenil então é para quem gosta de uma historinha bem boba que não deixa de ser cut.

 Nota: 4.5

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha - Alice no Pais do Amor - Lucilla Guede - Chiado Editora.

Resenha - Quatro Estações - Juliana Marinho